As Senhoras vão às Compras

As Senhoras andam vestidas, e andam irrepreensivelmente vestidas. Para uma Senhora andar vestida tem de ter roupa, coisa que me falta. Depois de ter deixado parte da minha roupa do outro lado do mar e de ter dado a volta ao meu guarda roupa (tirei tudo o que me deixava a barriga de fora, e fiz uma caixa com roupa que, se não usar dentro de um ano, também segue o mesmo caminho) tenho pouquíssimo para vestir.

 

Aliado ao facto de não ter nada para vestir existe o "espírito das compras". Só muito recentemente comecei a gostar de ir às compras e, mesmo assim, tem dias. Quando não estou com o "espírito das compras" não vale a pena insistir, por muito que me digam "isto é giro" e me empurrem para um provador é muito improvável que eu compre alguma coisa.

 

Como não tenho nada que vestir e hoje começam os saldos decidi ir às compras. Fiz os preparativos iniciais, vesti-me com roupa facil de despir, enchi a carteira de notas, fiz uma lista daquilo que preciso e li vários posts sobre como sobreviver aos saldos (espero que as minhas tecnicas de luta não sejam precisas) e estou pronta. Como de costume aqui ficam algumas regras para me guiar no perigoso mar de roupas.

 

1. Não gostas e não te fica bem, não levas

2. Calças só de cintura subida, estou gorda que nem um texugo e não me apetece mostrar as banhas

3. Nada de roupa azul, já tenho suficiente disso no armário

 
Actualização: Consegui comprar um blazer preto.
tags: ,
publicado por marttokas às 23:04 | link do post | comentar