As Senhoras têm Boas Notas

As Senhoras são aplicadas, prestam atenção nas aulas, participam, estudam e no final têm boas notas. Por boas notas entenda-se 15 para cima numa escala de 0 a 20. Eu escolhi muito bem a escola para onde vim, ninguém tira menos de 70% e a conversão é favorável.

 

 

 


Lá por ter um 15 garantido não quer dizer que me vá desleixar, tenho de aproveitar para subir a minha média, além de que a cadeiras de intercambio têm uma ponderação menor na nota final. Aqui ficam os aspectos da minha avaliação e os pontos onde tenho de melhorar.

 

Participação (30 a 40%): Recebi o feedback de meio de semestre à maior parte das cadeiras, ao que parece estou a baixo da média em todas (nalgumas mesmo muito a baixo). Solução: começar a falar nas aulas, de preferência mais do que uma vez, o que significa que tenho de ler os casos e as leituras e ir para as aulas com a matéria bem preparada.

 

Trabalhos de Grupo (25 a 30%): Esta é a área em que não me preocupo, confio plenamente nos nativos para conseguir ter uma boa nota.

 

Trabalhos Individuais (25 a 30%): Outra área em que não me preocupo. São trabalhos extremamente pessoais e que eu vou gostar imenso de os fazer, além de que posso sempre contar com as minhas Roomates para os corrigirem antes de os entregar.

 

Exames (30 a 70%): O grande terror, a sombra ao fundo do túnel. Vou começar a por as leituras em dia, a fazer resumos e vou tentar arranjar os exames dos anos anteriores para praticar em casa. Há esperança!

 

► Participar pelo menos uma vez em cada aula.

► Começar a olhar para os trabalhos individuais este fim de semana.

► Fazer um plano de leituras e de resolução de exames.

publicado por marttokas às 19:08 | link do post | comentar