Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


13
Mar13

Verniz Mate

Já sabia que existiam vernizes mate, mas nunca lhes tinha dado muita atenção. Entretanto vi a foto do lado no facebook do Sempre na Moda e despertei para a existência deles. Entusiasmada, comecei à procura de vernizes mates e encontrei uma receita caseira que pareceu bastante fácil para converter um verniz normal em verniz mate. Como só tenho 3 vernizes e não os queria "estragar" não a pude experimentar. Lembrei-me de ligar á minha prima, que tem imensos vernizes (pelo menos na minha perspectiva), podia ser que ela tivesse um que não gostasse e que me deixasse fazer experiencias nele. A surpresa foi que ela tinha um verniz mate roxo da Avon que já tinha comprado há uns tempos. Já o usei mas não vou por a foto das minhas unhas porque estou com algumas dificuldades técnicas, mas apesar da cor não ser uma das minhas preferidas gostei muito do acabamento.

Autoria e outros dados (tags, etc)

As Senhoras têm unhas perfeitas, isso é inquestionável. Eu admiro principalmente aquelas Senhoras que tratam das suas próprias unhas, admiro porque eu não sou capaz de fazer o mesmo. Cada vez que tento pintar as unhas é uma espécie de regresso ao jardim de infância. Eu bem tento, mas ou pinto fora da unha, ou então ficam zonas sem verniz, ou então toco em alguma coisa durante a secagem, ou começam logo a cascar. É triste. É triste ver uma rapariga já crescida, que aspira a ser Senhora e depois não consegue pintar 10 unhas sem borratar tudo. O pior é que quanto mais tempo passo sem as pintar mais diminuem as minhas (poucas) habilidades.

 

O meu objectivo é passar a pintar as unhas pelo menos uma vez por semana. Assim vou desenvolvendo as minhas habilidades e não perco demasiado tempo com o assunto (eu sei que uma Senhora não devia pensar assim, mas enfim...). Como só tenho um verniz, vou ter de comprar mais uns quantos. Alguém me recomenda uma marca com uma boa relação qualidade/preço? E que cores devo comprar?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tenho as pernas que parecem de uma macaca, umas unhas que parecem garras e a cara com uma pele tão lisa como a lua. Há uns meses atrás podia pensar que não havia remédio, mas agora que sou (quase) uma Senhora tenho ao meu dispor uma série de ferramentas que me ajudam a lidar com situações como esta e a voltar à costumeira perfeição.

 

Comecei por beber uma chávena de chá drenante. Duvido que tenha algum efeito mas assim sinto-me mais Senhora. É um bom principio.
Rosto: Uma vez que não tenho esfoliante para rosto decidi fazer um caseiro. Misturei o meu habitual gel de limpeza com açúcar louro (é mais suave que o branco ou o sal) e espalhei pelo rosto, com gestos circulares insistindo nas zonas com maiores imperfeições. Como dá para ver já li muitas instruções de produtos de limpeza. Depois espalhei uma mascara calmante pelo rosto e deixei actuar (tenho mesmo de começar a usar esta mascara mais vezes porque já está prazada às uns anos). Como é obvio deixei um espaço saudável em volta dos olhos sem máscara. Retirei completamente todos os resíduos de máscara com água tépida e depois sequei o rosto com suaves pancadinhas. Para finalizar cobri o rosto com uma generosa camada de creme hidratante. Como pus o creme demasiado perto dos olhos estou a chorar.
Pêlos: São uma coisa que me atromenta. Provavelmente é aquilo com que tenho mais complexos em relação ao meu corpo, mas pelo menos (reparem no pun) é um problema fácil de remediar. Estou muito agradecida à minha avó que me ofereceu uma maquina de depilação. Assim já não preciso de deixar o pêlo crescer para depois ir à esteticista e consigo andar sempre com a depilação em dia.
Unhas: Cortei-as bem curtinhas por causa do treino e segui o processo descrito aqui. No final pintei de vermelho - o único verniz decente que tenho. Agora tenho umas adoráveis mãos de Senhora, especialmente se vistas ao longe por alguém míope.
Nada como uma deliciosa aventura no mundo das Senhoras para me sentir melhor comigo própria e mais mulher. Afinal, uns miminhos nunca fizeram mal a ninguém.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Achando que já dominava suficientemente bem a técnica de pintar as unhas decidi pedir um verniz emprestado à minha roommate. Ela apareceu-me com uma caixa enorme, cheia de vernizes de todas as cores e, depois de muito olhar, decidi-me por um cor de rosa suave.

 

Já quase que não pinto fora das unhas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Acho que estou a ficar melhor nisto de pintar as unhas, ou pelo menos estou a ficar melhor no processo de secagem. Ao que parece tudo o que faltava era prática, agora já consigo pintar (mais ou menos) dentro da unha e fico com muito menos baixos e altos relevos.

Como o meu verniz se está a acabar, segui o concelho da Rute e misturei-lhe acetona. Claro que tendo em conta o meu jeito para essas coisas enchi o frasco até cima. Depois te tentar pintar duas unhas começou-me a parecer que a coisas não estava a funcionar muito bem e achei melhor tirar um bocado da acetona para fora. A partir dai começou tudo a correr muito melhor.

 

I'm trying to be a Lady

Autoria e outros dados (tags, etc)

22
Nov11

O Verniz Branco

Há vários anos atrás, numa das minhas primeiras tentativas de me tornar Senhora (aí no inicio da adolescência), na altura em que uma manicure francesa era a coisa mais chique que se podia fazer, decidi comprar um verniz para fazer a tal manicure.

Um belo dia, achando que estava na altura de testar os vernizes decidi abrir um dos lados, como estava a ser difícil desenrosca-lo decidi dar uma ajudinha com os dentes, resultado: o frasco partiu-se, fiquei com a boca cheia de verniz e ainda hoje tenho marcas de verniz na secretaria. Felizmente um dos lados do verniz sobreviveu e hoje usei-o para pintar as minhas unhas, aqui fica o resultado:

 

 

Já percebi o porquê de não pintar as unhas antes de ir para a cama.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ao longo dos meus vários anos de vida já tentei pintar as unhas várias vezes. Posso dizer que uma dessas vezes foi na manicura, outra das vezes foi a minha Prima que me fez o favor e as restantes vezes fui eu que fui tentando. Nunca resultou bem. Consigo sempre fazer qualquer coisa que me estraga a manicura durante o processo de secagem, sem contar com a minha falta de habilidade lendária para lidar com pincéis, o que torna principalmente difícil a tarefa de pintar a mão direita.

 

Vendo o exemplo da Rute, que como Senhora que é tem sempre as mãos impecáveis, decidi uma vez mais tentar pintar as unhas. Desta vez fiz uma preparação, além de observar atentamente a minha amiga a pintar as suas unhas, fiz uma pesquisa extensiva na internet (não é verdade só vi este blog). Sentindo-me preparada, e percebendo que se não pintasse as unhas não tinha desculpa para não estudar, lá pus mãos á obra.

 

1º Cortar e limar as unhas.

Não precisei de cortar porque tenho sempre as unhas muito curtas por causa do treino. Quanto ao limar parece que há uma certa técnica e ciência, que eu com o tempo e com uma lima nova (a minha partiu-se ao meio) espero dominar. Podem ler mais informações aqui.

 

2º Lavar as mãos com água morna e por hidratante.

Tenho a sensação que esta é a parte mais fácil de todo o processo.

 

3º Por óleo de amêndoas doces nas cutículas e deixar absorver.

Outra coisa fácil. Uma vez que a Mãe acha que o óleo de amêndoas doces é uma espécie de cosmético universal que serve para tudo tinha um frasco cá em casa. Para dar um ar mais profissional apliquei o óleo com um cotonete. Vou ver se leio um bocadinho enquanto isto seca. Já percebi que é má ideia ir escrevendo enquanto trato das unhas, tenho o teclado todo gorduroso, vou ter de o limpar quando acabar.

 

4º Empurrar as cutículas para trás.

Apesar dos meus poucos cuidados com as unhas isto foi uma coisa que eu sempre fiz, dá logo um aspecto completamente diferente ás mãos. Aproveitei também para cortar umas pelinhas que se soltam junto á unha (não faço ideia de qual seja o nome técnico), que tenho desde criança e que não consigo resolver. Utilizei este instrumento para tratar das cutículas, não sei se é o mais apropriado mas é o que tenho.

 

 

 

5º Lavar e secar as mãos

Outra coisa fácil de fazer. Começo a pensar que isto da manicure não é assim tão difícil.

6º Aplicar base

Não tenho não pus. Vai já para a lista de compras.

7º Pintar (parte terrivelmente difícil, onde além das unhas pinto os dedos e qualquer coisa próxima de mim)

Esta parte copiei quase directamente do blog citado a cima, á poucas coisas a alterar ou a acrescentar.

  1. Apoiar as mãos numa superfície plana, (no meu caso protegida).

  2. Começar no mindinho e acabar no polegar, (exactamente ao contrario do que o q eu costumava fazer).

  3. Limpar um “lado” do pincel no frasco e, com o outro, pintar uma risca no meio da unha, (é sempre fácil para quem tem jeito com pincéis).

  4. Tentar chegar o mais perto possível da cutícula, mas sem a pintar, (sem pintar *risada* - porque as Senhoras não usam LOL).

  5. Usar o resto para pintar os lados, e evitar linhas.

  6. Deixar secar e passar a segunda camada, (haja verniz que o meu está quase a acabar).

  7. Deixar secar e aplica uma top coat para maximizar o tempo útil da manicura, (estou a deixar secar enquanto aproveito para estudar. Já agora quanto tempo é que isto vais demorar? Depois de escrever duas paginas acho que esta na altura de aplicar uma espécie de verniz que tenho aqui chamado de "gloss coat", espero que seja apropriado. Estou á espera que seque...).

  8. Com algodão envolto num pau de laranjeira remover verniz na pele, (claramente uma pinça envolta em klenex não é o instrumento adequado - mais uma coisa para a lista de compras).

Resultado final: as minhas unhas estão horriveis, não estão muito borratadas mas o verniz está cheio de irregularidades. Tipicamente, assim que achei que o verniz estava seco decidi ir comer uma sandes e consegui trincar uma unha enquanto a comia. Resultado, as minhas unhas estão como se pode ver:

 

► Manter sempre a manicure em dia, e ter sempre as unhas com um aspecto cuidado e pintado.

Lista de compras: verniz base, algodão, pau de laranjeira, lima.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2017
  2. JAN
  3. FEV
  4. MAR
  5. ABR
  6. MAI
  7. JUN
  8. JUL
  9. AGO
  10. SET
  11. OUT
  12. NOV
  13. DEZ
  14. 2016
  15. JAN
  16. FEV
  17. MAR
  18. ABR
  19. MAI
  20. JUN
  21. JUL
  22. AGO
  23. SET
  24. OUT
  25. NOV
  26. DEZ
  27. 2015
  28. JAN
  29. FEV
  30. MAR
  31. ABR
  32. MAI
  33. JUN
  34. JUL
  35. AGO
  36. SET
  37. OUT
  38. NOV
  39. DEZ
  40. 2014
  41. JAN
  42. FEV
  43. MAR
  44. ABR
  45. MAI
  46. JUN
  47. JUL
  48. AGO
  49. SET
  50. OUT
  51. NOV
  52. DEZ
  53. 2013
  54. JAN
  55. FEV
  56. MAR
  57. ABR
  58. MAI
  59. JUN
  60. JUL
  61. AGO
  62. SET
  63. OUT
  64. NOV
  65. DEZ
  66. 2012
  67. JAN
  68. FEV
  69. MAR
  70. ABR
  71. MAI
  72. JUN
  73. JUL
  74. AGO
  75. SET
  76. OUT
  77. NOV
  78. DEZ
  79. 2011
  80. JAN
  81. FEV
  82. MAR
  83. ABR
  84. MAI
  85. JUN
  86. JUL
  87. AGO
  88. SET
  89. OUT
  90. NOV
  91. DEZ
  92. 2010
  93. JAN
  94. FEV
  95. MAR
  96. ABR
  97. MAI
  98. JUN
  99. JUL
  100. AGO
  101. SET
  102. OUT
  103. NOV
  104. DEZ