Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Guia de como ser Senhora

Esta é a história de como me tornei senhora. Uma senhora a sério.

Guia de como ser Senhora

Esta é a história de como me tornei senhora. Uma senhora a sério.

A Solução das Zonas Azuis

25.11.17, marttokas

Este é um livro sobre longevidade. Na primeira parte o autor entrevista centenários em 4 “Zonas Azuis”, Sardenha (Itália), Okinawa (Japão), Loma Linda (USA), e Nicoya (Costa Rica) sobre os que comem, o seu estilo de vida e as suas motivações para acordarem todos os dias. Na segunda parte, a informação recolhida nas entrevistas é destilada em 9 lições que podem ser facilmente postas em prática.

 

LIÇÃO 1: Mover Naturalmente

Ser ativo de uma forma inconsciente, e incorporar exercício no dia a dia.

 

"Uma combinação de quatro tipos de exercícios manterá o corpo equilibrado e forte. Resistência: atividades como caminhadas, natação e ciclismo melhoram a saúde do sistema cardiovascular. Força: o levantamento de pesos aumenta e mantém os músculos. Flexibilidade: o estiramento mantém a flexibilidade. Equilíbrio: o equilíbrio praticando através de atividades como ioga ajudará a evitar quedas." 

 

Eu tento subir escadas em vez de ir utilizar escadas rolantes. Vou para todo lado de bicicleta ou a pé em vez de transportes públicos. Faço exercícios de força 2 vezes por semana.

Claramente estou a falhar no cardio, na flexibilidade e no equilíbrio.

 

LIÇÃO 2: Hara Hachi Bu

Cortar 20% das calorias sem esforço. Comer o suficiente de maneira a não ter fome, mas não o suficiente para ficar cheio.

 

Quando como em casa e sou eu a cozinhar sigo esta regra. Os meus cozinhados por norma são simples e incentivam comer apenas o necessário. Se fizer um prato mais apetitoso, ou for um restaurante o mais certo é enfardar.

  

LIÇÃO 3: Plantas

Evitar carne e comidas processadas. Comer principalmente leguminosas, cereais integrais e vegetais da horta.

 

Tento não comer comidas processadas, até porque estou a tentar reduzir gastos desnecessários e a cozinhar em casa o mais frequentemente possível. Em relação à carne estou a tentar ser vegetariana ao almoço, cinco dias por semana (mais sobre o assunto num post no futuro próximo).

Já não tenho vegetais da horta porque estou longe de casa dos meus pais. Há alguns alimentos processados aos quais não consigo resistir e acabo por comprar batatas fritas/doritos, amendoins e enchidos/presunto/bacon mais ou menos uma vez por semana.

  

LIÇÃO 4: Uvas da Vida

Beber vinho tinto (em moderação).

 

Desde que deixei de estudar que o meu consumo de bebidas alcoólicas reduziu drasticamente e, paralelamente, o meu consumo de vinho tinto também desceu. Nos últimos anos só bebo vinho quando o vinho é mesmo muito bom, quando a refeição "puxa" um copo de vinho, ou quando tenho saudades de Portugal e bebo um Porto.

Sinceramente esta não é uma lição que pretenda incorporar na minha vida nos próximos tempos.

 

LIÇÃO 5: Propósito Agora

Tirar um tempo para ver o panorama geral.

 

Gente que lê este blog, quando eu souber a razão da minha existência aviso. Até lá vou fazer o meu melhor para evitar questões existenciais.

 

LIÇÃO 6: Diminuir

Tirar um tempo para aliviar o stress.

 

Hoje o meu nivel de stress é quase inexistente. No entanto o livro faz duas recomendações que eu considero interessantes e que vou começar a adotar.

  • Planear chegar com 15 minutos de antecedência

Tendo em conta os meus atrasos crónicos, penso isto vai melhorar a qualidade de vida das pessoas à minha volta. Como primeiro passo comecei a mentalizar-me para chegar 5 min mais cedo.

  • Meditar

Fiz 10 sessões de meditação seguidas com a aplicação Headspace e acho que me ajudou a sobreviver ao periodo de maior stress da minha vida. Pode ser que repita a experiencia em breve.

 

LIÇÃO 7: Pertencer

Participar numa comunidade espiritual.

 

Decidi testar esta lição durante uma semana. De segunda a sexta acordei cedo e participei num grupo que se junta para rezar o terço todas as manhãs. Eu era de longe a mais nova, acho que tinha um terço da idade média das participantes. Mesmo assim, foi muito agradável ter uma motivação para sair da cama cedo todas as manhãs, ter um momento introspetivo, falar português em voz alta e conviver com as senhoras à volta de um café.  

 

LIÇÃO 8: Amados Primeiro

Tornar a familia uma prioridade.

 

Quando estou em Portugal vivo a 5 minutos da minha tia e avó. A minha família junta-se sempre para os almoços de sábado e domingo. Aliás, o sentido de família foi uma das coisas que mais impressionou o meu namorado das primeiras vezes que foi a Portugal. Agora que estou longe é diferente, falo com os meus pais uma vez por semana, e esporadicamente ligo ao resto da família (principalmente à minha avó).

 

LIÇÃO 9: A Tribo Certa

Estar rodeado por aqueles que partilham os valores das “Zonas Azuis”.

 

Estou muito longe desta lição. Mas acredito que devemos sempre começar por trabalhar em nós próprios primeiro.

 

 

Se me quiserem ajudar a enriquecer podem comprar o livro aqui

3 comentários

Comentar post