Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Tenho me vindo a aperceber da enorme quantidade de resíduos que faço. Quando mudei de casa fiquei chocada com a quantidade de tralhas que deitei fora. Algumas delas em bom estado, outras perfeitamente inúteis, mas que acabaram todas num aterro algures no Planeta Terra.  

 

Eu até tenho bons exemplos à minha volta. Sempre se fez reciclagem e compostagem na casa dos meus pais, e sempre ouvi o meu Pai dizer "Não devemos comprar lixo". Um dos meus irmãos até se está a aproximar de se tornar desperdício-zero. 

 

Apesar dos bons exemplos, a gota de água que me despertou para a necessidade de levar uma vida mais ecológica, foi uma colega de trabalho que faz a própria pasta de dentes. Eu pensei, se ela consegue ter uma vida com o mínimo de impacto possível para o Planeta eu também tenho que começar a fazer a minha parte. 

 

Comecei por inspirar-me. Vi alguns vídeos no Youtube sobre desperdício-zero. Li alguns artigos. Estava cheia de força de vontade. E depois fui de férias e a vontade passou.  Agora que estou de volta à normalidade, decidi dar um pequeno passo no sentido de levar uma vida mais ecológica. Comecei a reciclar.  

 

É uma má desculpa, mas  cores do ecoponto franceses são diferentes dos portugueses, e eu nunca me dei ao trabalho de aprender as diferenças. A verdade é que na minha terriola-adotada reciclar é ainda mais fácil que em Portugal. É lixo para um lado, vidros (ecoponto Verde) para o outro e tudo o que é reciclável vai para o mesmo ecoponto (Amarelo). E a desculpa é nula, porque os caixotes de reciclagem ficam literalmente a 30 metros da porta do meu edifício. 

  

O meu plano de ação foi o seguinte: 

1. Fui ao site da cidade, informei-me sobre as cores dos ecopontos e sobre quais os desperdícios que podem ser reciclados 

2. Pus um caixote de cartão dentro do armário do lava loiça destinado exclusivamente à reciclagem 

3. Tenho andado a mandar os lixos recicláveis para dentro do caixote 

 

Como desafios antevejo a falta de vontade para despejar o caixote no ecoponto amarelo (eu detesto despejar lixo) e educar o Momé sobre a importância da reciclagem, quais os resíduos que podem ser reciclados, e convence-lo a agir em conformidade.  

  

Para vos alegrar aqui estão algumas estatísticas sobre lixo & reciclagem: 

  • Em Portugal reciclam-se cerca de 30,4%  dos resíduos urbanos
  • Cada português produz em média 464,5 kg de lixo por ano
  • Em França reciclam-se cerca de 39,7% dos resíduos urbanos
  • Cada francês produz em média  501 kg de lixo por ano

 

Como sei que há alguns leitores no Brasil também pesquisei algumas estatísticas que os possam interessar:  

  • Em 2012, cada brasileiro produzia em média 383 kg de lixo ao por ano.
  • O estado onde se produz menos lixo per capita é Santa Catarina (295 kg/pessoa/ano) e aquele onde de produz mais lixo é o Distrito Federal (584 kg/ano/pessoa).

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.06.2018 às 13:14

Acho uma excelente escolha! E a verdade é que há produtos naturais, que ficam muito mais baratos, fazem menos lixo, e têm menos veneno adicionado! Mas a reciclagem já é um bom primeiro passo... E pensa, se fizeres menos lixo, tens que o ir despejar menos vezes. Eu vou ao contentor umas duas vezes por mês, se tanto
Imagem de perfil

De marttokas a 28.06.2018 às 15:38

Obrigado :) Decidi começar pela reciclagem porque acho tem um bom rácio esforço/impacto. Mas vou continuar a relatar as pequenas ações estou a implementar e que contribuem para um Planeta com menos lixo.

E ir ao contentor apenas duas vezes por mês é uma vitória, parabéns!

Comentar post



Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. JAN
  3. FEV
  4. MAR
  5. ABR
  6. MAI
  7. JUN
  8. JUL
  9. AGO
  10. SET
  11. OUT
  12. NOV
  13. DEZ
  14. 2017
  15. JAN
  16. FEV
  17. MAR
  18. ABR
  19. MAI
  20. JUN
  21. JUL
  22. AGO
  23. SET
  24. OUT
  25. NOV
  26. DEZ
  27. 2016
  28. JAN
  29. FEV
  30. MAR
  31. ABR
  32. MAI
  33. JUN
  34. JUL
  35. AGO
  36. SET
  37. OUT
  38. NOV
  39. DEZ
  40. 2015
  41. JAN
  42. FEV
  43. MAR
  44. ABR
  45. MAI
  46. JUN
  47. JUL
  48. AGO
  49. SET
  50. OUT
  51. NOV
  52. DEZ
  53. 2014
  54. JAN
  55. FEV
  56. MAR
  57. ABR
  58. MAI
  59. JUN
  60. JUL
  61. AGO
  62. SET
  63. OUT
  64. NOV
  65. DEZ
  66. 2013
  67. JAN
  68. FEV
  69. MAR
  70. ABR
  71. MAI
  72. JUN
  73. JUL
  74. AGO
  75. SET
  76. OUT
  77. NOV
  78. DEZ
  79. 2012
  80. JAN
  81. FEV
  82. MAR
  83. ABR
  84. MAI
  85. JUN
  86. JUL
  87. AGO
  88. SET
  89. OUT
  90. NOV
  91. DEZ
  92. 2011
  93. JAN
  94. FEV
  95. MAR
  96. ABR
  97. MAI
  98. JUN
  99. JUL
  100. AGO
  101. SET
  102. OUT
  103. NOV
  104. DEZ
  105. 2010
  106. JAN
  107. FEV
  108. MAR
  109. ABR
  110. MAI
  111. JUN
  112. JUL
  113. AGO
  114. SET
  115. OUT
  116. NOV
  117. DEZ