Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ser Senhora

Esta é a história de como me tornei Senhora. Uma Senhora a sério.

Ser Senhora

Esta é a história de como me tornei Senhora. Uma Senhora a sério.

Desafio: Não comer fora durante 31 dias

Fevereiro 01, 2019

Fui educada pelos meus pais que comer fora é para ocasiões especiais e não uma forma de sustento. Esta crença estava tão enraizada que, algures durante a minha licenciatura, quando uma amiga canadiana me perguntou "como comer de forma barata em Lisboa" eu respondi "ir ao supermercado e cozinhar" como se fosse a resposta óbvia e não houvessem mais opções. Nunca me passou pela cabeça que houvesse outra forma de comer. 

 

Depois fui viver para Lyon e, além da variedade de restaurantes, há um serviço em que uns rapazes (ou raparigas) vão de bicicleta pegar comida aos restaurantes e depois entregam em casa. A conveniência, a abundância de €€ e a influência do Momé (que cresceu com um paradigma diferente), levaram a eu comesse fora muito mais vezes. Às vezes por preguiça, porque tinha ingredientes em casa mas não me apetecia cozinhar. Outras vezes, por falta de organização não tinha comida em casa porque não tinha ido às compras. E, admito, às vezes porque tinha mesmo vontade de comer pizza, hamburgers, ou sushi. 

 

Decidi que tinha de mudar. Eu gosto de comer em casa e de comer as coisas que cozinho. É mais económico e mais saudável. Além de que prefiro gastar mais num restaurante decente com menos frequência, que gastar menos dinheiro muitas vezes em fast food. Decidi fazer um desafio.

 

Desafio 

Não comer fora durante 31 dias (o mês de janeiro).   

 

Porquê 

Para perder este mau hábito, gastar menos dinheiro, emagrecer e voltar a acreditar que a comida vem do frigorífico e não do restaurante.  

 

Monitorizar 

Fiz um calendário, colei-o na parede da cozinha e, de cada vez que passei o dia sem comer fora, fiz um traço no calendário.  

20190131_224351.jpg

Estratégia 

Comer sempre o mesmo para o pequeno almoço, um batido substituto de refeição. É só por o pó no shaker, juntar água quando chego ao trabalho e ir bebendo enquanto leio os emails do dia. Assim evito comer as bolachinhas da maquina de vendas automática. 

 

Preparar almoço e os lanches da tarde no inicio da semana (vulgo meal prep). Como tenho pouca paciência e ainda menos força de vontade para cozinhar todos os dias, faço uma dose de comida vegetariana suficiente para 4 ou 5 refeições (a minha preguiça é maior que a vontade de comer coisas diversificadas). Acondiciono tudo em caixas de vidro e guardo no frigorífico do escritório. Também preparo todos os lanches (ovos com tostas ou iogurtes de soja com cereais) e guardo no escritório.  

 

Ter um menu semanal para o jantar e fazer as compras todas de uma vez. O jantar é o momento critico em que é fácil não cumprir o desafio e encomendar qualquer coisa para comer. Mas, se já tiver definido o que vou comer, não vou cair na tentação de comer fora porque já tenho os ingredientes e tenho que os cozinhar. 

 

Resultado & Aprendizagens 

Não correu tão bem quanto esperava. Passei um fim de semana em Londres e aproveitei para comer tudo o que não existe na minha terriola, fui almoçar fora enquanto estive em Portugal (para celebrar um evento especial) e tive 3 dias de preguiça. Resultado, tive um aproveitamento de 77%, mas não vale a pena massacrar-me, o melhor é focar-me nas aprendizagens.  

 

Relembrei-me que o importante é ser organizada. Percebi que os menus semanais funcionam, mas é preciso disciplina. Identifiquei que o meu dia preferido para ir às compras e cozinhar é a segunda feira, mas como treino JJB é difícil conciliar tudo e ir dormir a horas.  

 

Em fevereiro o meu desafio é não ir ao Reddit. 

4 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D