Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ser Senhora

Esta é a história de como me tornei Senhora. Uma Senhora a sério.

Ser Senhora

Esta é a história de como me tornei Senhora. Uma Senhora a sério.

Os meus cabelos precisam de ajuda

Setembro 21, 2018

Enquanto era estagiária, a minha rotina de cabelo consistia em “pré-tratamento-caseiro” + champô sem SLS + amaciador sem silicones.

 

O “pré-tratamento-caseiro”, nunca teve uma aplicação muito regular. Fazia quando me lembrava e me apetecia, nas vésperas dos dias em que sabia que ia mesmo lavar o cabelo. Os ingredientes foram baratos, são “naturais” e qualquer um pode fazer estas mezinhas em casa.

 

Hidratação = glicerina + aloé vera + água

Em relação à hidratação, a minha receita é uma mistura caseira de glicerina com aloé vera. A ideia surgiu-me quando vi um frasquinho de glicerina à venda no Celeiro. Pesquisei um pouco e percebi que a glicerina funciona como  higroscópico - se o ambiente for húmido a glicerina vai absorver água para dentro do cabelo, se o ambiente for seco vai retirar água. Além da glicerina uso um outro ingrediente com funções hidratantes, barato e fácil de encontrar, o aloé vera. Ponho um pouco de glicerina, um pouco de aloé vera, água num pulverizador e agito bem. Depois é só borrifar o cabelo. Se não uso a mistura toda de uma vez, guardo o frasco no frigorífico.

 

Esta mistela funciona bem no verão/ primavera mas nos meses frios os ambientes onde vivo são aquecidos e a glicerina passa a ter o efeito oposto do desejado.

 

Nutrição = óleo de rícino + óleo de amêndoas doces

Em relação à nutrição faço uma umectação. Utilizo óleo de ricínio (extremamente viscoso e denso) misturado com um óleo mais leve de amêndoas doces. Penso que azeite ou óleo de coco possam ter um efeito semelhante ao óleo de amêndoas doces, mas com um cheiro mais ativo. Normalmente empasto o cabelo com esta mistura antes de me deitar, e lavo o cabelo na manhã seguinte.

 

O resultado destes tratamentos caseiros é que o meu cabelo não esta mau, mas também não esta bom. Está como de costume.

 

Decidi que estava hora de fazer alguma coisa em relação aos meus cabelos (assunto já abordado de forma extensa neste blog), principalmente depois de descobri que há quem me chame de “cabelo de esfregona”. Na minha última ida ao supermercado, e talvez devido a um raciocínio afetado pelo cansaço, decidi voltar a um verdadeiro cronograma capilar e comprar as coisas necessárias. Sai do supermercado com um champô novo, um creme de hidratação, duas máscaras, uma de nutrição e outra de reparação, e um amaciador sem silicones e bio (vou incluir uma foto de todos os produtos assim que voltar para casa).

 

20181001_200811 (1).jpg

 

 

Estou a pensar fazer o cronograma capilar seguinte => 2x hidratação, 2x nutrição, 1x reparação

 

Perguntas para pessoas entendias: 

  1. O que acham da organização do meu cronograma?
  2. Os produtos que comprei chegam ou falta alguma coisa?
  3. Ponho amaciador antes ou depois da mascara?
  4. Tenho um acido hialurónico que não gosto de por na pele. Vale a pena mistura-lo com o creme de hidratação?
  5. O vinagre de cidra tem que efeito no cabelo?
  6. Que blogs posso ler para aprender sobre cabelos?

Parar de perder tempo - Parte 2

Janeiro 25, 2018

Já há tempos escrevi um post que abordava o conceito fadiga de decisão. Resumindo o conceito, ao tomar centenas de decisões de pouca importância diariamente, temos menos energia para as decisões verdadeiramente importantes. Identifiquei algumas destas “decisões”, que apenas têm um valor acrescentado marginal, e automatizei-as o mais possível. O objetivo é fazer com que estas deixem de ser requerer poder cerebral e passem a ser parte de uma rotina

 

Roupa trabalho

No trabalho apenas tenho que usar roupa semiformal.  Tenho uma cápsula, com um total de 12 peças que uso apenas para trabalhar. Tendo menos opções de roupa, perco menos tempo a decidir o que vestir. Também ajuda ter toda a roupa exposta, assim não tenho de procurar por peças escondidas. Para otimizar ainda mais o meu tempo de manhã, utilizo um sistema de rotação.

 

IMG_20180125_235555.jpg

 

Uso sempre a camisola que está em baixo, em conjunto com as calças da esquerda (indicadas pela seta azul). Quando volto do trabalho ou ponho a roupa para lavar ou a arrumo no topo da pilha ou no cabide à direita. Nos dias em que não me apetece vestir uma das camisolas da pilha visto uma camisa.

 

Apenas tenho 2 pares de calçado que uso no trabalho. Umas botas pretas que uso na maioria das vezes e uns loafers pretos que estão sempre no escritório. Quando neva ou chove tenho de usar botas de borracha (também pretas) no caminho para o trabalho e quando chego troco para os loafers.

  

Lavar o Cabelo

O meu cabelo é seco e para estar apresentável apenas precisa de ser lavado 2 vezes por semana. Mas quando? Todo o processo de análise para tentar perceber se o cabelo está demasiado indecente para o trabalho, calcular a ultima vez que lavei o cabelo, pensar nos dias em que treino e nos dias em que tenho de parecer bonita, etc estava-me a stressar ligeiramente.

 

Tenho a certeza que há dois dias durante a semana que que são perfeitos para lavar o cabelo. Dois dias em que não me importo de levantar mais cedo, idealmente espaçados que maximizem o numero de dias de cabelo decente no trabalho. Fiz pesquisa, pensei no meu estilo de vida e no cronograma capilar que quero implementar e cheguei à conclusão que os dias ideais para lavar o cabelo são: Domingo/Segunda de manhã e Quinta de manhã.

 

Durante as próximas semanas vou testar e ver se me consigo manter fiel a este esquema.

  

Refeições 

Para mim a comida tem de ser nutritiva, saudável, saborosa e requerer pouco tempo de planeamento. Perder horas a pensar todos os dias no que quero comer, ir ao supermercado, cozinhar e depois comer tudo em 20 min não é para mim. Para otimizar o meu tempo gasto com comida, e pensar o menos possível no assunto, faço um menu semanal e só vou ao supermercado uma vez por semana.

 

Preparo todos os almoços no inicio da semana e guardo em caixas de vidro. Como sabem, de há um tempo para cá que os meus almoços são vegetarianos, e muito simples. Os jantares são mais elaborados, com uma proteína (frango / peru / carne de vaca / peixe) que serve de tema, com vegetais a acompanhar.

 

Para otimizar ainda mais as minhas idas às compras, e deixar de pensar em que vegetais comer, subscrevi uma cooperativa que todas as semanas entrega um cabaz de legumes biológicos. Vou receber o meu primeiro cabaz para a semana :D

 

 

Por enquanto roupa, cabelo e comida foram as áreas que consegui otimizar. Tem ideias de mais decisões que possam ser automatizadas? Ofereço-me para ser cobaia das vossas sugestões!

Resoluções 2014 - Deixar Crescer o Cabelo

Janeiro 20, 2014

Eu e o meu cabelo é uma saga sem fim. Com voltas, reviravoltas, cortes radicais e muitas questões exitenciais - principalmente nos dias em que preciso ter um cabelo de Senhora. Estava a ler este post da Garota de Ipanena, que é dona de um cabelão impressionante, e apercebi-me que nunca tive o cabelo mais comprido que a altura dos ombros. Portanto:

 

2014 é o ano em que vou ter um cabelo até ao meio das costas!

 

Então qual é o meu plano:

1. Cronograma Capilar - desta vez com produtos dos bons

2. Elixir Phytopolleine 

3. Deixar que o tempo faça efeito

 

 

PS: Todas as manifestações de solidariedade, carinho e incentivo são bem vindas

Da minha rotina capilar

Outubro 16, 2013

Como qualquer Senhora lavo o cabelo. Na maior parte das vezes uso secador. E pronto aqui está a descrição daquilo que faço aos pelos que me saem do alto da cabeça. O meu cabelo anda numa fase particularmente feliz, está sedoso, nada seco e bonito na maior parte dos dias. Porquê?

 

Tudo começa pela água. Isto de viver num pais onde a água não são rochas em estado liquido de tanto calcário faz maravilhas.

 

Shampoo. Descobri que para ter caracóis o melhor é usar um shampoo sem espuma. O único problema é que estes shampoos são bastante difíceis de espalhar, principalmente quando o cabelo está mais oleoso. Solução: shampoo sólido. É simplesmente um sabonete para usar na cabeça.

 

Mascara. Deixei de usar condicionadores há bastante tempo, tendo em conta a sequidão crónica do meu cabelo uso sempre máscaras. Abandonei a ideia do cronograma capilar porque a gestão logística dava demasiado trabalho, mas quando acabar esta mascara nutritiva vou começar a usar uma mascara hidratante (para ir variando) e tentar de 2 em 2 semanas fazer uma mascara reparadora.

 

Huile Extraordinaire Universelle da L'Oréal. Depois de tanto o ter ouvido gabar na blogosfera também eu tive de experimentar. Normalmente aplico umas gotitas depois de secar, e de manhã quando quero dar forma ao cabelo. Deixa-me o cabelo sedoso e a cheirar bem, o unico senão é que fico sempre com um pouco de produto nas mãos.

 

E pronto, agora só falta lavar o cabelo assim que ele começar a ter mau aspecto. 

 

Próximo post: Será que existem mais penteados além do "solto" e do "rabo-de-cavalo"?

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D